Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Diva do Sofá

Porque gostamos de ver filmes e séries, mas quer em casa, quer no cinema o importante é estarmos bem instalados.

Da série "Pérolas da Net" ou "Já te calavas, não?"

04.10.16 | A Diva do Sofá

Pérolas da net.jpg

 

Penso que por esta altura a Mariana Mortágua ainda não deve ter parado de rebolar-se no chão de tanto rir. Sim rir, já que metralhar o homem parece que é ilegal, portanto o melhor será mesmo rir. 

 

Nestes últimos tempos temos aprendido muitas coisas novas acerca da proposta do Bloco de Esquerda sobre a taxa do património imobiliário. Até agora, não tinha dito nada porque estava, divertidamente, a assistir às nossas personagens políticas a indignarem-se contra este vil ataque à classe média portuguesa, depois de terem passado 4 anos a atentar contra a mesma porque não tiveram os tomates de acabar com o clientelismo e o caciquismo existente. Só que entretanto... eis que me aparece no feed do meu "feiças" esta pérolazinha de sabedoria, que deve estar quase a entrar no TOP 5 do citador.

 

Através desta breve mensagem, esta criatura que assina o texto diz-nos várias coisas:

 

  • Diz-nos que 500 mil euros não é uma fortuna;
  • Diz-nos que é um valor mínimo que um casal responsável da classe média tem de ter acumulado;
  • Diz-nos que é para complementar a reforma;
  • Diz-nos que a reforma é parca.

  

Okaaaaaaaay... 500 mil euros não é uma fortuna. Certo. Quando comparado com o quê?

É um valor mínimo... baseado no quê? Em que dados? 

Que um casal responsável da classe média tem de ter acumulado... Casal responsável da classe média??? Estou a ver... portanto, todos aqueles que não tiverem acumulado o mínimo de 500 mil euros são irresponsáveis.

Para complementar a reforma... Ok, complementos são sempre positivos.

A reforma é parca... okaaaaaaay... depende. Estamos a falar de um agricultor ou de um jovem reformado do Banco de Portugal? 

 

Mas vamos ver isto de outra maneira; O PIB per capita do último ano é de 19.690 EUR, portanto... quantas famílias - Nota: responsáveis - da classe média têm 500.000 EUR acumulados para a velhice? Mais, em termos médios, nos últimos 50 anos, o PIB per capita ronda os 13.359 EUR e se considerarmos que Portugal tem uma taxa de poupança anual inferior a 5%, verificamos que 13.359 x 5% = 668 EUR de poupança anuais. No entanto, como estamos a falar de um casal responsável, vamos considerar 2 "per capita" e temos 668 EUR x 2 = 1336 EUR de poupança anuais. Ora muito bem, então para acumularmos 500.000 EUR temos de trabalhar durante quanto tempo?

 

500.000 EUR : 668 EUR = 374.

 

Et voilá. Um casal responsável da classe média tem de trabalhar 374 anos para conseguir acumular 500.000 EUR. Eu não sei se têm bem a noção mas, isto é uma péssima notícia para a nossa Segurança Social que não está - nem de perto, nem de longe - preparada para este choque de longevidade. 

 

 

Diva photo text1046322796.gif