Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Diva do Sofá

Porque a vida em tons de cor-de-rosa é tão gira que devíamos atropelá-la com um camião TIR.

A Diva do Sofá

Porque a vida em tons de cor-de-rosa é tão gira que devíamos atropelá-la com um camião TIR.

A maldição de Aaron Ramsey

aaron-ramsey-_DDS.jpg

Notá prévia, eu não percebo nada de futebol e nem sequer sou fã do jogo portanto, basicamente, eu não percebo nada disto mas chamaram-me a atenção para esta curiosidade e eu fui ver o que encontrava por aí.

 

Este moço chama-se Aaron Ramsey e é jogador de futebol no Arsenal, em Inglaterra. Dizem as más línguas que cada vez que ele marca um golo há uma celebridade que morre. O ponto positivo disto é que ele até parece ser um jogador bastante discreto, porque se fosse o Ronaldo ou o Messi (ou os dois), a coisa era uma razia completa no panorama das celebridades. 

 

Ora bem, a lista já vai bastante bem compostinha apesar de algumas personalidades, que nela constam, poderem ser um tanto ou quanto polémicas do ponto de vista dos afectos. Podem consultar a lista no Daily Mail. O artigo é de 2016 e não sei se entretanto a lista já foi actualizada ou não porque, obviamente, não sigo futebol.

 

Assim sendo, da próxima vez que morrer uma celebridade já sabem que não houve nenhuma alminha que lhe tivesse dado uma canelada a tempo de impedir um golo... ou então, fizeram de propósito só para chatear.

 


Diva photo text1046322796.gif

La Bruja

Voodoo doll.jpg

 Sabem, há momentos na vida de uma pessoa que dá muita vontade de fazer um bonequinho de voodoo, enchê-lo de alfinetes e dar com a cabecinha do dito cujo na esquina de uma mesa ou assim (nota: esta coisa de dar com a cabecita do bicho na esquina da mesa não funciona grande coisa se o bonequinho for de papel, já que esta tende a saltar).

 

É verdade, já fiz alguns... mas sempre por um bom motivo. Ou seja, precisava de um boneco representativo no qual pudesse bater à vontade e espetar-lhe objectos aguçados sem ser crime. É muito libertador, devo dizer, pois alguns tabefes e algumas agulhas mais tarde sentimo-nos bastante melhor e mais leves. Pessoalmente, considero-o um bom mecanismo anti-stress e é compatível com a legislação penal portuguesa. 

 

Por outro lado, podem as alminhas  mais supersticiosas ficar descansadas porque se querem que vos diga, objectivamente, nunca encontrei nenhuma prova que estabeleça qualquer relação de causalidade entre o  azar de algum sujeito representado e o respectivo bonequinho mas quando encontrar eu prometo que aviso.

 

Entretanto, vamos lá ver se eu resisto à tentação.

 

 


Diva photo text1046322796.gif

Os meus pequenos Illidari

IMG_20170522_101741.jpg

 Pois é verdade, no mundo do World of Warcraft, estes são os meus "piquenos" Illidari. Ou seja, Demon Hunters. Poder-me-iam perguntar "Ah e tal mas porquê 4? Porque não só um?". Bom, na verdade toda a gente me pergunta porque é que eu tenho uma data de bonecos e não me concentro só num. A resposta é simples: Gosto de variar. 

 

Não só gosto de variar, como também, gosto de ouvir as histórias que as personagens têm para me contar. Todas elas têm de me dizer qualquer coisa, se não disserem apago-as. Por isso é que eu tenho uma quantidade enorme de personagens, porque elas falam comigo e eu gosto de as ouvir. Todas elas têm a sua história neste universo, não existem só porque sim. Têm nome, têm família e têm o seu lugar naquele mundo.

 

Assim, do lado da Aliança, temos a Morfindes e o Laeron. Do lado da Horda temos a Thanneth e o Zanathos. E pelo tamanho das orelhas, já deu para ver que são todos elfos (eu gosto à brava de elfos). O primeiro par são night elves (também conhecidos por Kaldorei). O segundo par são blood elves (também conhecidos por Sin'dorei ou Children of the Blood ). Pertencendo a facções diferentes é claro que cada um tem a sua história e as suas relações são, um tanto ou quanto, conturbadas mas a tragédia desempenha aqui um elemento agregador e mais do que pertencer a facções diferentes, eles são Illidari. Seguidores de Illidan Stormrage que, durante a "War of the Ancients" (uma trilogia composta por: Well of Eternity; The Demon soul e The Sundering), se bandeou para o lado negro da força... ou pelo menos, assim parecia.

 

 

É claro que no fim da Burning Crusade acabou-se a pangaiada e foi tudo encarcerado quando a malta invadiu o Black Temple e partiu o tasco todo. Após alguns de paz e sossego em Azeroth... ou pelo menos tanto quanto possível já que entre Horda e Aliança anda sempre tudo à chapada... eis que a Legião regressa e espatifa esta coisa toda. Conclusão: lá tiveram de soltar os Illidari (que tanto trabalhinho deram para prender).

 

Portanto, este meus piquenos viram-se "descongelados" há, relativamente, pouco tempo e estão a tentar adaptar-se à nova vida. Por isso as histórias que me vão contando têm a ver com isto e com as relações entre eles.

 

Diva photo text1046322796.gif

Pesquisar

 

Da mesma Autora

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

A Diva no Facebook


A Diva no Twitter

Bloglovin

Follow

Mensagens

Outros

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Divas que andam por aí

IP Address
Unique Hits